Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de um Cinéfilo

Vida de um Cinéfilo

20.Fev.18

The Shape of Water (A Forma da Água, 2017) - Crítica

Francisco Quintas
   Durante a Guerra Fria, Elisa, uma funcionária muda recém-chegada a um centro de investigação americano, face a novas descobertas e perigos, desenvolve uma afetuosa relação com uma criatura anfibiana humanoide, disputada entre a América e a União Soviética.     O filme foi escrito e realizado pelo mexicano Guillermo del Toro, uma mente extremamente imaginativa que opta mais uma vez por desenvolver personagens e um conflito dentro do seu mundinho pessoal de monstros (...)
10.Jan.18

Nomeados aos BAFTA 2018

Francisco Quintas
     Ontem, dia 9, foram anunciados os nomeados aos Prémios BAFTA (British Academy Film Awards), os prémios de maior prestígio da Grã-Bretanha. Maior parte dos filmes já estrearam ou ainda estrearão em Portugal (nos próximos meses). O filme que recebeu mais nomeações foi o mais recente do mexicano Guillermo del Toro, The Shape of Water. Digam-me o que acham das nomeações. Justas? Ou nem por isso? Aqui está a lista:Melhor Filme:Call Me by Your Name 
28.Dez.17

American Made (Barry Seal: Traficante Americano, 2017) - Crítica

Francisco Quintas
     O filme conta a história real de Barry Seal, um piloto comercial que, em 1978 começou a trabalhar para a CIA e, no futuro, para Pablo Escobar, numa relação de trocas de armas e droga.     O filme foi realizado pelo Doug Liman, responsável pelo ótimo Edge of Tomorrow, de 2014, e pelo apenas “ok” The Wall, deste ano. Perdoem-me, nunca vi nada do Jason Bourne. Algo que este consegue fazer facilmente aqui é injetar o mínimo de interesse numa história pouco conhecida e, (...)
11.Dez.17

Nomeados aos Globos de Ouro 2018 (Cinema)

Francisco Quintas
     Hoje, foram revelados os nomeados aos Globos de Ouro 2018. Maior parte dos filmes já estrearam ou ainda estrearão em Portugal (nos próximos meses). O filme que recebeu mais nomeações foi o mais recente do mexicano Guillermo del Toro, The Shape of Water. Digam-me o que acham das nomeações. Justas? Ou nem por isso? Aqui está a lista:Melhor Filme – Drama:Call Me By Your Name 
26.Nov.17

Wonder Wheel (Roda Gigante, 2017) - Crítica

Francisco Quintas
     Anos 50, a história segue uma mulher casada e infeliz que se envolve com um nadador salvador. Quando a sua enteada volta para casa de surpresa, inicia-se um enorme descarrilhamento nas vidas de toda a família.     O filme foi escrito e realizado pelo Woody Allen, um realizador magistral que, mesmo sem sempre nos oferecer o melhor de si, utilizando novos ou clássicos métodos, consegue ainda surpreender o seu público com tudo aquilo que faz. O facto deste homem ter a mão em (...)
25.Nov.17

Only the Brave (Só Para Bravos, 2017) - Crítica

Francisco Quintas
  Arizona, EUA, Junho de 2013. Uma equipa municipal de bombeiros recentemente profissionalizada fica responsável por inúmeros incêndios decorrentes no país.    O filme foi realizado pelo Joseph Kosinski, responsável pelos apenas medianos Tron: Legacy e Oblivion. Apesar do aproveitamento genérico dos seus últimos trabalhos, desta vez, o realizado demonstrou ter talento e uma boa mão para construir uma história inspiradora surgente de um cenário catastrófico.     Algo que o (...)
18.Nov.17

Top 10 Melhores Filmes de Super-Heróis de Sempre

Francisco Quintas
     Filmes de super-heróis são, de certeza, aqueles que mais sucesso fazem. O género pode não ser necessariamente o melhor, mas é um dos mais divertidos e um dos mais apreciados pelo público no geral e pelos cinéfilos mais compulsivos atualmente. Nesta lista, apenas um filme não é baseado em comics e eu decidi não incluir nenhuma animação. Anyway, ficam aqui com 10 (ou mais) recomendações.10º Lugar: V for Vendetta (V de Vingança, 2006)     Há um debate plausível (...)
30.Set.17

War Machine (Máquina de Guerra, 2017) - Crítica

Francisco Quintas
     A Netflix já provou ser mais que capacitada para fazer boas sátiras sobre a sociedade americana. War Machine não é das melhores, mas com o carisma do Brad Pitt é difícil ficar insatisfeito.    Baseado no livro de não-ficção The Operators, escrito por Michael Hastings e publicado em 2012, o filme acompanha o general americano Glen McMahon, que, em 2010, contra os inimigos e aliados, ambiciona uma operação de renovação no Afeganistão.     O filme foi escrito e (...)
21.Set.17

Okja (2017) - Crítica

Francisco Quintas
     Quando o Gangnam Style saiu, em 2012, lembro-me de ver o Obama a afirmar que a América e o mundo inteiro só tinham a ganhar ao se familiarizar com a cultura sul-coreana. Verdade seja dita, o cinema é um bom exemplo!     Mija, uma pequena aldeã sul-coreana que toda a vida viveu com uma superporca chamada Okja, vê-se obrigada a sair do seu país e ir para New York para salvar a amiga de uma organização multinacional, enquanto é involuntariamente envolvida numa missão de (...)
16.Jun.17

I Am Not Your Negro (Não Sou o Teu Negro, 2016) - Crítica

Francisco Quintas
    Esta crítica vai ser bem mais curta do que o habitual. Não é meu costume ver documentários, não é um género que me chame muito à atenção. Agora eu não podia ignorar um filme cujo narrador era Samuel L. Jackson e que foi massivamente elogiado e premiado em tudo o que era festival.    Baseado no manuscrito de memórias inacabado Remember This House do escritor e crítico social James Baldwin, o filme aborda os pensamentos pessoais do autor sobre o racismo na América (...)