Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de um Cinéfilo

Vida de um Cinéfilo

28.Fev.19

Godzilla – uma reles dimensão

Francisco Quintas
Os paraquedistas saltam. Lá em baixo, decorre um dos mais horrendos cenários de destruição imagináveis. Criaturas incompreensivelmente monstruosas confrontam-se em São Francisco, dizimando as pequenas amostras da obra civilizacional evidentes das nossas pegadas, como autênticas crianças a quebrar legos. Mais do que qualquer dever patriota, os militares conservam uma vontade de fugir para casa. Agarram-se à missão, no entanto, procurando um veloz refúgio para voltarem as ver os (...)
31.Ago.18

Slender Man - sinistramente desnecessário, histérico e risível

Francisco Quintas
Aconteceu com “The Amazing Spider-Man”. Aconteceu com “The Emoji Movie”. A Sony tem este sexto sentido de nos dar péssimos filmes que servem apenas para obter aquele cachê. Na última vez que verifiquei, “Indústria” não era sinónimo de “Cinema”. O mais recente filme de terror da Sony Pictures Releasing decorre numa pequena cidade em Massachusetts e acompanha quatro amigas do secundário que ficam fascinadas com o Slender Man, um espírito assassino pertencente a (...)
29.Ago.18

Cloverfield - o found footage ainda funciona

Francisco Quintas
“Cloverfield” é um dos muitos filmes de 2008 que nos ficaram na memória. Por diversas razões, este diferencia-se das restantes ofertas do género. SEGUEM-SE SPOILERS! “Cloverfield” foi lançado no dia 24 de Janeiro de 2008 nas salas de cinema portuguesas. Foi realizado pelo Matt Reeves, responsável pelos últimos dois filmes da série reboot de “Planeta dos Macacos”. Foi escrito por Drew Goddard (“The Martian”) e produzido por ninguém menos que J. J. Abrams. Primeiro, (...)
14.Jul.17

Kong: Skull Island (Kong: Ilha da Caveira, 2017) - Crítica

Francisco Quintas
     Em 2014, com a estreia de Godzilla, deu-se início a um novo universo da Warner Bros. Pictures chamado MonsterVerse, baseado nas histórias dos monstros clássicos Godzilla e King Kong. Godzilla: King of the Monsters e Godzilla vs. Kong já foram anunciados para 2019 e 2020, respetivamente. Godzilla não foi excecional, foi somente bom (em breve farei uma crítica desse filme). Será Kong: Skull Island o mesmo caso?      O filme passa-se em 1973 e segue uma equipa de cientistas (...)